O blog das mamaes no Reino Unido

Pediatria na Inglaterra – Blogagem Coletiva no Maes Internacionais

Aqui na Inglaterra pediatra e artigo de luxo. Digo isso porque so a classe media A+ leva as criancas regularmente, o resto dos mortais tem que se contentar com o medico de familia/Clinico Geral, mais conhecido como GP (General Practitioner) em ingles.

Comecamos assim; a crianca nasce e depois do check up de rotina do hospital, e vista pela Midwife (Parteira), estando tudo bem, a mamae leva o bebe para casa e comeca a receber a visita da mesma ate o dia 14 (+/-), depois do nascimento. Em uma destas visitas, o bebe  faz o exame do pezinho e sera sempre pesado.

Passando esta data, a Midwife passa a responsabilidade da mae e bebe para a Health Visitor (Enfermeira do Bairro), ela entao continuara dando orientacao a familia ate a crianca fazer 5 anos.

O bebe tambem ganhara um livro vermelho, famoso Red Book entre as maes, aonde constara toda as informacoes medicas, do tipo vacinas, visitas da Midwife, Health Visitor, tabela de peso, crescimento e informacoes adicionais para as mamaes de primeira viagem. Todas as criancas tem este livro, indiferente da onde nasceram ou classe social.

Quando o bebe completar 6 semanas tera sua primeira consulta com o GP e as mamaes que tiveram cesarea, alem de tambem terem uma consulta com o medico, voltam a ter legalmente certos direitos, como por exemplo,  dirigir.  Aqui na Inglaterra, o seguro do carro  nao cobre a mulher que tiver feito cesarea, antes da consulta de 6 semanas.  Para dirigir antes disso,  somente com uma carta do medico dando autorizacao.

Aos dois meses de vida comecam as vacinas, que sao dadas nas seguintes etapas:

  • 2 meses -
  • 3 meses -
  • 4 meses -
  • 1 ano – MMR (Triplice)
  • 3 anos e meio

Todas no consultorio do GP e podem ser dadas por ele, ou por uma enfermeira.

E o que acontece se a crianca/bebe nao estiver bem? Qual e o precedimento? Bom, tudo comeca no GP, levamos a crianca e o medico/a verifica se a crianca esta bem ou se precisa ser vista por um pediatra. Em casos serios, o GP encaminha a mae/bebe para uma consulta no hospital, so ai a crianca e entao examinada por um medico pediatra. No caso de uma emergencia, temos que levar no hospital direto.

Alguns hospitais em Londres tem clinica infantil, com pediatras e cirurgioes (e diferente do departamento pediatrico). E um meio termo entre o medico de familia e a emergencia do hospital. Eu tinha um (por sinal um dos melhores de Londres) perto de onde morava antes, entao, desde que descobri, nao levava mais meus filhos em GP para perder tempo, ia direto na clinica.

Os medicos aqui quase nao tocam na crianca e gostam muito de receitar Paracetamol, a cura para tudo, e incrivel, parece que eles nao tem outra opcao, ou que o paracetamol e milagroso.

Para os brasileiros, especialmente os que estao aqui ha nao muito tempo, e dificil entender como a crianca pode crescer sem nenhum acompanhamento pediatra. Mesmo para mim, que  estou fora ha 21 anos ainda me custa saber que no Brasil os filhos dos meus amigos tem o pediatra proprio, sao vistos com frequencia, crescem como eu cresci com acompanhamento e aqui meus filhos nao tem esta opcao.  Ou melhor, opcao tem, mas, as consultas particulares custam em torno de £180-£200 (400 -500 reais acredito), por isso mencionei no comeco sobre a classe media alta. Este valor e inviavel para uma familia que viva de salarios pagar todos os meses.

Minha opiniao? Apesar de morar aqui ha tanto tempo, ainda nao aceito certas falhas no sitema de saude. Um pais tao rico, que gasta milhoes com o exercito, falhar na area da saude por falta de verbas e inaceitavel. Os medicos GPs, hoje em dia tem tantos pacientes, que a media de uma consulta e de 10 minutos, se voce quiser falar algo mais demorado, eles te mandam voltar outro dia. A minoria das pessoas esta satisfeita com o seu GP.

Anos atras,  tive um GP muito incompetente,  que sabia menos do que eu, tive serias discussoes com ele, pela sua falta de conhecimento e indiferenca com a minha saude e a dos meus filhos, uma vergonha.

Sou fa de homeopatia e trato todos aqui em casa com as minhas pilulas magicas, como chama meu marido, portanto quando algo esta apenas comecando corto logo, assim as visitas ao medico sao minimas.

Para saber mais sobre Pediatria Mundo Afora clique aqui.

Credito da foto acima: Eventnearby.com

 

 

 

24 Responses to Pediatria na Inglaterra – Blogagem Coletiva no Maes Internacionais

  1. Celi says:

    Ann,
    Na verdade, temos que evitar ao máximo mesmo os médicos e consultas. Não é mesmo? rs
    Sou super fã de médicos homeopatas. Adoro as santas bolinhas. Tento evitar ao máximo os remédios. Acho que mudar de país, fez com que eu confiasse mais na maneira de cuidar dos meus filhos. Sem depender tanto de opiniões alheias, familiares e médicos toda hora. Só em casos extremos mesmo e nas consultas periódicas obrigatórias para acompanhar o desenvolvimento.
    Um grande beijo.

  2. Dani Gouveia says:

    Ann, bom saber como e em Londres…Minha amiga mora na Inglaterra e onde ela mora ela disse que o GP e super bom, mas que o parto ela quase morreu por negligencia, enfim, acho que como vc disse tantos dinheiro gastos com outras coisas e a prioridade de uma saude melhor nao =\

    bjs

  3. Ann says:

    Oi Celi,
    Nao sei o que seria de mim se nao fosse a homeopatia, tenho horror a remedios rsrs, pioro so em saber que tenho que toma-los rs.
    xx

  4. Ann says:

    Oi Dani,
    GP bom aqui e como loteria, nao e para todos rsrs, e claro que ha bons profissionais, mas, a maioria que tive nao foram nada competentes. E na hora do parto entao, nem me fale, uma falta de Midwives (parteiras) e estorias como a da tua amiga e muito comum, aconteceu comigo e com 70% das minhas amigas. Coincidencia? Nao. Falta de verba para pagar profissionais qualificados.
    xx

  5. FLavia says:

    Em que homeopata vc vai? Bjs!!!

  6. FLavia says:

    Tenho uma filha de quatro meses e ainda nao me acostumei com o sistema de saúde daqui. Mas gostei muito do trabalho das midwifes assim que chegamos em casa, as visitas, são muito cômodas para mãe e filha! Ah, na minha opinião, acho a Inglaterra esta muito preparada para parto normal, diferentemente do Brasil. Beijos ;)

  7. Ann says:

    Oi Flavia,
    Meu homeopata atende em duas clinicas em Londres. Uma em Shepherds Bush e outra em Ladbroke Grove. Recomendo este medico de olhos fechados, me ajudou muitissimo. Se nao fosse ele nao teria tido a minha filha. Se quiser, te passo os dados da clinica depois.
    xx

  8. Luciana says:

    Oi Ann,

    também fiquei decepcionada quanto à medicina “básica” da Inglaterra (amo esse pais e ó não moro ai pq o tempo é miserable demais! hehe). Essa burocracia toda de ir pra GP e só ser encaminhado pra um especialista se ele achar q tem q ser tbem tem aqui, mas não pra pediatra, nem pra ginecologista. O resto tem q ser através dele tbem.

    Vamos torcer pra não precisar desses médicos, nem aqui, nem ai!

    Bjs

  9. Carol says:

    oi Ann!
    É, eu pensei que na Inglaterra a saude fosse mais acessível, pois a hungria está bem atras e ainda assim gosto daqui. Tb não gosto muito do meu medico da família, mas nunca nem recorri a ele, resolvo tudo com vitamina C e soro caseiro… rsrsrs tb odeio remédios e antibiítico então passo longe, tem que ser muito sério pra eu tomar. ahahah
    Mas adorei seu post. se cuida! :)
    Beijinhos!

  10. Ann says:

    Oi Luciana,
    Nem me fale a medicina daqui rs e isso de depender de GP para ele decidir se voce precisa de especialista ou nao e um horror. Eu tenho seguro de saude e em determinados casos ainda preciso do aval do GP, ninguem merece rs
    x

  11. Ann says:

    Oi Carol,
    O gap social aqui esta cada dia mais visivel e e claro isso se reflete na saude tambem. Quem pode vai em medicos bons e particulares, quem nao pode morre na praia ou melhor, na fila rs (sorry, humor negro), mas, e verdade!
    xx

  12. Livia Luzete says:

    Um ponto em comum com o Brasil: os médicos daqui adoram receitar paracetamol também!!!
    Ponto dois: as consultas médicas nos PS – Posto de Saúde duram 10 minutos!
    Tb acho estranho essa falta de atenção ao setor de saúde.

  13. Verônica says:

    Oi!

    Desculpa a intromissão, mas ao procurar por médicos brasileiros em londres, acabei achando esse site e li o q foi postado. Sou médica brasileira, vim pra cá para me especializar em pediatria e neuro, mas ainda tenho um bom caminho pela frente para conseguir trabalhar aqui. Lendo tudo isso me decepcionei um pouco com o sistema de sáude e no fato de como são as consultas…mas ainda estou disposta a tentar trabalhar aqui (posso atender só pediatria para brasileiros por exemplo).Se precisarem de alguma coisa podm contar comigo, não posso passar receita aqui ainda mas posso dar uma ajudinha na hora do desespero..rsrs
    Se souberem de algum médico brasileiro q possa me ajudar agradeceria.
    Bj e se cuidem!

  14. Ann says:

    Ola Veronica,
    Voce esta estudando aonde? E em caso algo precisar da sua ajuda, voce teria consultorio?
    x

  15. Verônica says:

    Oi, Ann!
    Tô estudando inglês só (para prova IELTS para depois fazer o PLAB p/ poder clinicar aqui), vou deixar minha pós para ano q vem, na UCL. Infelizmente não tenho consultório e ainda tô tentando encontrar uma boa alma médica para eu poder acompanhar o serviço por aqui.
    Bj

  16. Raquel says:

    Ola Ann,
    Meu nome eh Raquel, morei em Londres ano passado..gostei muito..e meu marido amou! e pretende voltar…ainda nao temos filhos, mas jah estamos planejando..lendo sobre a saude no pais fiquei um pouco decepcionada.e preocupada. O ano que fiquei por ai fui 1 vez apenas ao GP e ate que achei bom…sou alergica a medicamentos e tambem me trato com homeopatia levei o meu kit inteiro do Brasil! nao achei homeopata por ai (apesar de saber que a Inglaterra eh super reconhecida pela homeopatia).. Bom, vou continuar acompanhando suas noticias sobre o assunto! bjo

  17. Fabi says:

    Oi Ann,

    Estou gravida do meu primeiro filho e pra falar a verdade, estou bastante insegura com o sistema de saude aqui de Londres. Infelizmente tenho q confiar no que vem pela frente em relacao ao parto, ouco historias boas e ruins, mas a maioria ruim. Mas em relacao a saude do meu filho, acredito q como vc, posso buscar uma alternativa pra me sentir segura, e fazer o melhor por ele.

    Vi que vc postou as clinicas onde o seu medico atende, porem nao deu muitas informacoes.
    Vc ainda trata seus filhos com ele? Qual o contato ( nome e se possivel telefone ).

    Desde ja agradeco!!!

  18. Ann says:

    Oi Fabi,
    Meu homeopata e excelente, apesar de morar longe da clinica hoje em dia, ainda vou a Londres ve-lo regularmente e quando preciso falo com ele pelo telefone e ele me indica o tratamento.
    Segue o link da clinica onde ele atende em Londres, apenas em alguns dias da semana, vc tem que ligar e se informar ok?
    http://www.thehappinesscentre.com/therapies/homeopathy.htm
    O nome dele e Mounir Torabi
    x

  19. Fabi says:

    Oi Ann,
    Super obrigada pelo retorno!!!
    Xx

  20. Rozana says:

    Estou organizando, com um grupo de amigos universitários, aqui no Brasil – RJ, um grupo de estudo na área da Enfermagem pediátrica. Adorei a imagem das duas crianças com o nome “pediatria” abaixo. Gostaria da autorização do responsável pelo site ou do criador dessa imagem, para usá-la como símbolo do nosso grupo. Grata pela atenção.

  21. Ann says:

    Ola,

    Eu copiei da net ha anos, nem me lembro, procurem pelo Google. Boa sorte! :)

  22. Lidiane says:

    Oi gostaria de saber aonde posso procurar por médico pediatra em Londres, tipo um site para verificar sobre um médico e a clinica. Igual no brasil que pode procurar pelo CRM e pelo CFM, um site tipo esses citados que fica em Londres. Ficarei muito feliz se alguem poder me ajudar.

  23. Ann says:

    Ola Lidiane,
    Eu particularmente nao conheco website nenhum como esse que voce esta procurando, talvez o NHS, quando procure por um hospital especifico, geralmente eles tem a lista dos consultants..
    Boa sorte!

Leave a Reply